Pesquisar este blog

Carregando...

sábado, 24 de novembro de 2012

Piso Salarial dos professores 2013


por JULIO NETO
NOVEMBRO 23, 2012

Num primeiro momento, estimava-se que o piso salarial dos professores para 2013 sofreria um reajuste de, aproximadamente, 21,3%. No entanto, a luta de alguns governadores, entre eles o governador da Bahia, Jaques Wagner, deu resultado. O governo deve ceder e o aumento que passaria dos 20% deve ficar abaixo dos 10%, segundo o jornal Folha de São Paulo, o reajuste será inferior aos 7,86%. Para se ter uma ideia, o piso salarial dos docentes (que hoje é de R$1451,00) ficaria abaixo dos R$1600,00 por 40 horas de trabalho. O ponto que mais chama preocupa é a luta dos governadores para alterar a metodologia de cálculo do reajuste, promovendo assim ganhos reais ainda mais insignificantes. O que resta ao professor é a organização sindical e a luta.

"Os governadores dos Estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Piauí e Roraima ingressaram com nova Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) contra o piso salarial dos professores."
O governador da Bahia não entrou na luta por que ele fez algumas manobras que contornam a lei.
Agora pergunta-se: esse é um país que realmente deseja promover avanço na educação?

44 comentários:

  1. Com certeza este país deseja avançar na educação, avançar para o ultimo lugar, afinal ainda estamos em penultimo, este sim é o avanço a ser alcançado.

    ResponderExcluir
  2. Para que Educação serviria na vida dos nossos governantes? O que eles menos precisam é de pessoas inteligentes, formadores de opiniões que só serviriam para atrapalhar seus planos e falcatruas. Quanto menos ganhamos, mais aliados eles ganham!!!
    Que país é esse?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E uma vergonha, esse piso salarial, a educação brasileira vai passar a vida inteira nesse indice vergonhoso por causa dos governantes irresponsáveis e corruptos que só pensa no seu próprio bolso.

      Excluir
    2. Esse piso salarial e uma vergonha, enquanto esses governantes vagabundos analfabetos estãos com salários altíssimos para não fazer nada. E por isso que a nova geração não querem fazer cursos na área da educação , porque não são valorizados.

      Excluir
  3. Lilian Barbosa Biasi12 de dezembro de 2012 02:53

    Eu queria ver se as pessoas parassem de cursar pedagogia e começasse faltar professor para lecionar, aí esses vagabundos que ganham salários absurdos pra ficar coçando o dia inteiro iam ver o que é bom!!! Eles não podem se esquecer que se não fossem os professores, hoje eles não estariam ocupando o cargo que estão, bando de porcos interesseiros!!!

    ResponderExcluir
  4. Quero o aumento se não saio da profissão

    ResponderExcluir
  5. É lamentável esta situação, já que em 4 em 4 anos dizem que a educação é o que mais importa para o crescimento do país. E ver governadores contra o aumento de nós professores.

    ResponderExcluir
  6. O piso já é uma vergonha, já pensou se piora? Queremos o aumento justo que ja está na lei.

    ResponderExcluir
  7. E o pior nós é que colocamos todos eles em seus devidos cargos reclamar de que e pra quem?

    ResponderExcluir
  8. Que piso é esse? tem gestores pagando a proporcionalidade de 30 h achatando de vez com o já baixo valor... Cadê as autoridades que não querem ver isso? O piso era pra ter sido aprovado com a integralidade de 30 h, pois a maioria dos entes federados trabalham com 30 h.

    ResponderExcluir
  9. Estou cansado de não ser valorizado.

    ResponderExcluir
  10. Todo ano essa mesma agonia. Os deputados e governadores querendo reduzir ainda mais o reajuste do nosso piso salarial.
    Por que eles não reduzem o salário deles?! Afinal nós, professores(as), é quem realmente trabalhamos para melhorar o futuro do nosso país. Mas no fundo vale àquela antiga máxima todo político usa o discurso da EDUCAÇÃO para se eleger durante a campanha eleitoral, mas depois de eleitos ninguém mais fala de valorizar a educação. A começar pelo profissional da educação, ou seja, o PROFESSOR!

    ResponderExcluir
  11. Somos o País do regresso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma vergonha nacional.

      Excluir
  12. Existem Prefeitos no país que, além de não cumprir à Lei do Fundeb ainda não pagou os meses de novembro,dezembro e o décimo terceiro dos professores. Isto está acontecendo na cidade de PASSIRA-Pe.Onde o senhor Prefeito MIGUEL GOMES DE FREITAS, além de sucatear à EDUCAÇÃO ainda deixa os PROFICIONAIS da educação do Município pedindo ESMOLAS.QUE PAÍS É ESSE?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo plenamente e ainda assino embaixo,pois tambem sou vitima deste descaso sao dois meses de salario atrasado e o tao esperado decimo terceiro salario isso e uma vergonha sem falar no baixo salario que nao chega nem perto do piso salarial. Passira tem que mudar talvez neste novo governo as coisas mellhorem

      Excluir
  13. Que vergonha!O professor trabalha o dia inteiro para poder ganhar um pouco melhor, esses políticos não fazem nada e ainda atrapalham,ditam,fazem e desfazem com relação oa salário de quem só busca fazer o melhor pela educação.O que eles fariam se tivesse que sustentar sua família com o salário de um Educador trabalhando manhã, tarde e noite? Muitas vezes ´´abandonando´´ casa, família,marido...

    ResponderExcluir
  14. REAJUSTE DO PISO SALARIAL DOS PROFESSORES PARA 2013.

    A previsão de reajuste do piso salarial dos professores é que fique abaixo dos 10%. Em 2010, o percentual foi de 7,86, em 2011, de 16%; em 2012, de 22,22%. Caso esse reajuste insignificante se confirme para 2013, ganham os governadores e os prefeitos, perdem os professores, perde a Educação, perde o país. E o que já era ruim ficará pior. Em vez de a Educação avançar, regride. Jamais seremos excelência em Educação enquanto o professor, que é o agente transformador do conhecimento, continuar recebendo salários irrisórios. Ser professor não é um ato de penitência. Professor é um profissional que precisa ser respeitado, capacitado e valorizado profissionalmente. Enquanto os deputados e senadores reajustaram os próprios salários em mais de 60%, os professores terão que se contentar com menos de 10%, segundo a previsão. Quem é mais útil à sociedade? Um professor ou um deputado? Por que os deputados não repassam para o salário dos professores o mesmo percentual que reajustou os seus salários? Eu sei por que eles não repassam. Não repassam porque Educação neste país não é prioridade. Não repassam porque os filhos de governadores, senadores e dos próprios deputados não estudam em escola pública. Seus filhos estudam em grandes escolas particulares cuja mensalidade do ensino fundamental gira em torno de R$800,00, no mínimo. Isso explica o porquê de o professor da rede publica estadual receber salários tão baixos, principalmente, se for do Estado de Pernambuco, que é conhecido nacionalmente como o Estado que paga o pior salário do país a um professor. Educação aqui só nos discursos e nas propagandas enganosas. Se os governadores e os prefeitos dizem não ter dinheiro para bancar salários dignos dos professores, então façam o que recomenda o excelentíssimo senador Cristovam Buarque;" entreguem a Educação para a União". É melhor do que levar o sistema educacional, que já é ruim, à falência e assim comprometer o futuro do país. Tomem essa decisão! Será um decisão sábia! Reflitam! Pensem no futuro do país!

    ResponderExcluir
  15. Enquanto um funcionário da Justiça Estadual, que trabalho apenas 6h por dia e, de menor patente, ganha 8.000,00 mês, um professor da Rede Municipal e estadual ganham apenas R$1600,00 em média. No Brasil, a cada dia que se passa a Educação fica ainda mais fragilidade e ainda tem professore que correm atrás de políticos que usa o termo "Educação" apenas para se auto-promover.

    ResponderExcluir
  16. VEJA O VALOR DO PISO PARA 2013 - PUBLICADA PORTARIA COM VALOR ALUNO ANO 2013 - CONFIRA O PISO PIRATA DO MEC E O PISO LEGAL - COMPREENDA PORQUE O MEC É VIOLADOR DA LEI DO PISO - TEM INÍCIO A LUTA NO ANO NOVO: http://valdecyalves.blogspot.com.br/2013/01/veja-o-valor-do-piso-do-magisterio-para.html

    ResponderExcluir
  17. Os governantes quando em campanha eleitoral defendem os 3 pilares principais de meta, saúde, educaçao e segurança. Portanto, são os piores serviços que nós temos, profissionais insatisfeitos, e cada dia mais, menos estudantes interessados em ingressar nessas carreiras. Falo como servidora da educação tenho como pensamento: Só existe outras profissões no mundo inteiro porque existem nós ¨PROFESSORES¨, portanto quando esses governantes visionários, que acham que o Brasil está avançando, olharem para nós com outros olhos, quem sabe engataremos para um futuro melhor, não proporcionando a esse pobres coitados uma bolsa disso ou daquilo, seria melhor ensinar a pescar do que dar o peixe. Mas não seria vantajoso educar uma massa que só serve para dar votos para que les continuem a nos iludir.

    ResponderExcluir
  18. Eu não consigo entender uma lei onde qualquer um pode mudar, mas no Brasil é assim, eu só não vejo ninguém querer mudar salário de político. Eles ganham um absurdo as custas dos brasileiros e o professor que trabalha dura não pode ter um salário dígno. Isso é uma vergonha.

    ResponderExcluir
  19. Numa nação omissa em tudo quanto é setor da sociedade não é de se assustar que tudo dê errado e os investimentos em educaçâo sejam vistos como gastos pois a grande maioria dos que deveriam zelar pela boa aplicaçao do dinheiro público nunca precisaram estudar para isso. Por que estariam interessados!?

    ResponderExcluir
  20. ja vi que esse país nunca vai p frente , pois e um verdadeiro absurdo tudo que acontece com os professores. um pais que tem leis e nao se cumpre pq o poder ta nas maos dos corruptos, egoista , de politicos q nao quer melhorias p seu municipio, estado , pais. como pode muitos municipios nao paga piso salarial, nao tem formaçoes p o professor que muitas vezes passa num concurso e nunca lecionou dai jogam dentro de uma sala de aula e se virem.tb nao ter o pcc uma verdadeira miseria e todas as gratificaçoes ram ... sei nao viu nao se te fiscalizaçoes p melhorar nossa situaçao e automaticamente dos nossos alunos etc.

    ResponderExcluir
  21. É VERGONHOSO OS POLÍTICOS ESTÃO QUERENDO BAIXAR UM SALÁRIO QUE JÁ É BAIXO.

    ResponderExcluir
  22. Professores, à luta!

    ResponderExcluir
  23. é por isso q desisti da rede pública e dou aula na privada. Estou satisfeito com minha profissão, porém nunca vou trabalhar pelo valor que o estado paga. Quem está pagando o pato, principalmente, são os próprios cidadãos. E acho que merecem, a desvalorização social do professor não é só culpa do governo. Os pais não querem que seus filhos sejam professores. O povo não valoriza a profissão e ainda querem conseguir ascensão social sem educação.

    ResponderExcluir
  24. não são eles os governantes que ficam em salas de aulas superlotadas, sem estruturas , com crianças das mais diversas classes sociais, famílias desestruturadas , onde até apanhar nós professores apanhamos, ver colegas serem levados pelo SAMU, por causa de sala de aula e acharem que não precisamos de um salário digno?Quem não merece ganhar nenhum salário são eles que não sofrem nada

    ResponderExcluir
  25. Precisamos tomar medidas mais energéticas contra esses políticos SAFADOS, além de nossa classe ser regida por um sistema de leis totalmente desproporcionais, ainda temos que esperar por medidas que atendem somente os interesses deles...
    Isso é uma falta de respeito muito grande... Somos profissionais e devemos ganhar merecidamente conforme nossa formação.

    ResponderExcluir
  26. É vergonhoso pra classe politica desse país,que ao subir em um palanque a sua 1ª promessa e cuidar da educação tem lógica uma coisa assim?como uma professora pode fazer cursos de qualificação com este belo salário? E ter uma vida digna?Fico muito triste em saber que vários governadores estraram com uma ação para que o reajuste sem menor que 10%.Isso é Brasil!!!

    ResponderExcluir
  27. PISO DOS PROFESSORES PARA 2013 x PISO DO MEC 2013 - QUAL ENTRE OS POSSÍVEIS PISOS PIRATAS O MEC ADOTARÁ? PORQUE O MOVIMENTO SINIDCAL DEVE DEFENDER O PISO LEGAL PARA 2013 - CONFORME A FÓRMULA DA LEI DO PISO - PISO DO MEC ALÉM DE ILEGAL - VIOLA LEI E NÃO TEM CRITÉRIO FIXO SÓ GERA INSEGURANÇA E INJUSTIÇA - NUNCA SERÁ SUPERIOR AO VALOR DO PISO CALCULADO CONFORME A FÓRMULA DA LEI JULGADA CONSTITUCIONAL PELO STF: http://valdecyalves.blogspot.com.br/2013/01/piso-legal-x-piso-do-mec-piso-nacional.html

    ResponderExcluir
  28. parece brincadeira ,,mas a verdade é que no Brasil os professores não são valorizados , e isso é fato , não tem argumento... Mas infelizmente é uma classe muito desunida. Se fizesse uma greve geral e comparecesse todo munda com certeza os governantes cederiam. mas quando se faz paralisação alguns " FDP " professores vão é viajar, descançar ,pescar ,ficar em ksa de boa ..aí não se vê resultado.. temos que aprender a sermos unidos e lutar pelos nossos direitos...assim penso eu

    ResponderExcluir
  29. Isso é uma pouca vergonha desses políticos que só se preocupam
    em aumentar eus próprios salários e desvalorizar quem realmente trabalha para o social do país.

    ResponderExcluir
  30. Será que o Governador de Santa Catarina já entrou em uma escola? Seus filhos será que estudaram? Devem ser todos analfabetos já que João Raimundo Colombo nunca valorizou os professores, nem como prefeito de Lages.

    ResponderExcluir
  31. Para que dinheiro? se alimentamos nossas mentes com o saber, com cultura. Agora se o professor quiser ganhar dinheiro, entao, roube como fazem nossos governantes.

    ResponderExcluir
  32. É UM PAIS SEM FUTURO

    ResponderExcluir
  33. A manobra feita por Jacques Wagner, governador do próprio partido da presidenta que estabeleceu o reajuste do piso (vergonha)foi transformar o reajuste em Certificação, mediante curso à distância, e com isso, postergar as certificações, que de qualquer forma, seriam feitas. Acredito que a Justiça deva anular a vinculação entre o tal curso e o reajuste do ano passado, de forma que o mesmo reajuste seja aplicado a todos os professores e não apenas ao que se submeteram ao fatídico "curso". Assim, o tal curso, estaria automaticamento transformado na certificação que deveria ter sido feita e foi suspensa pelo matreiro governador. Mas, bem feito, ele escorregou literalmente no piso e nem as presenças de Dilma e Lula conseguiram fazer Pelegrino, o candidato de Wagner parar de cair nas pesquisas. Nos outdors, em Salvador, via-se as fotos de Dilma, Pelegrino e Lula. Wagner Jamais. Pena que os dois grandes líderes nacionais tenham gastado o seu tempo e a sua popularidade para salvar o candidato de um governador, cuja representatividade popular, hoje, beira a Zero. Wagner hoje é um peso para Dilma e Lula e uma Praga para o nosso Estado da Bahia.

    ResponderExcluir
  34. afinal quanto será a hora / aula de professor para 2013?

    ResponderExcluir
  35. que vegonha,é um absurdo essa merreca de aumento...cada dia somos menos valorizados em um país subdesenvolvido como o nosso, esse mercadante não tá com nada chega de eleger pessoas corruptas.

    ResponderExcluir
  36. É um absurdo!!! O educador desta nossa "Pátria Amada Brasil", é desvalorizado descaradamente diante da sociedade pelos nossos governantes, que deveriam se colocar em nosso lugar e receber o nosso salário...

    ResponderExcluir
  37. ABAIXO O PISO PIRATA DO MEC! AJUIZADA AÇÃO JUNTO AO STF PARA O MEC COMPLEMENTAR O VALOR DO PISO CONFORME A FÓRMULA DO ARTIGO 5º DA LEI DO PISO – CERCA DE 100 PROFESSORES DE VÁRIOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS SÃO AUTORES DA RECLAMAÇÃO Nº 16013 – CONCLUSA PARA DESPACHO DO MINISTRO JOAQUIM BARBOSA A ESPERANÇA ESTÁ VIVA PORQUE A ESPERANÇA ESTÁ EM LUTAR - Matéria completa em: http://valdecyalves.blogspot.com.br/2013/07/abaixo-o-piso-pirata-do-mec-ajuizada.html

    ResponderExcluir
  38. na minha opinião os professores deviam fazer campanha contra esses governadores e afins na sala de aula e lutar para que eles jamais se reelejam.

    ResponderExcluir